Campanha “Faça Bonito” traz palestras sobre combate à exploração sexual infantil e de adolescentes

Campanha “Faça Bonito” traz palestras sobre combate à exploração sexual infantil e de adolescentes

Na noite de terça-feira, dia 14 de maio, a Prefeitura Municipal de Santo Antônio de Posse, através da Diretoria de Desenvolvimento Social e Cidadania, promoveu a palestra “Violências Sexuais contra Crianças e Adolescentes”, ministrada pelo psicólogo Gustavo de Lima Bernardes Sales.

Com o auditório da Câmara Municipal lotado, discutiu-se sobre o tema e a data emblemática de 18 de maio, dia em que se ‘comemora’ o Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de crianças e adolescentes no Brasil. Confira algumas fotos da palestra.

SEMANA “FAÇA BONITO”

Durante toda a semana, atividades foram realizadas no município para fomentar a discussão e alertar a população sobre a importância de se falar sobre o assunto. Na segunda-feira, dia 13, crianças e adolescentes participantes da oficina de Pintura em Tela participaram de uma roda de conversa sobre o tema “Abuso e à Exploração Sexual contra Crianças e Adolescentes”. O encontro aconteceu no bairro Bela Vista.

Já na quarta-feira, dia 15, foi realizada uma mobilização com a participação dos alunos da EMEF Augusto Coelho pelo bairro Vila Esperança. Na quinta-feira, dia 16, os alunos do Projeto Guri participaram de uma nova mobilização, desta vez pelas ruas do centro do município.

Para finalizar a semana, nesta sexta-feira, dia 17 de maio, será conduzida a última passeata para relembrar o tema. O ponto de encontro e saída será a escola CIEF.

Deixe um comentário

Acessibilidade

Novo modelo de identidade digital padrão do site pmsaposse.sp.gov.br atende às principais recomendações de acessibilidade indicadas para web.

Garantir a acessibilidade na Web é permitir que qualquer indivíduo, utilizando qualquer tecnologia de navegação, visite qualquer ambiente web e obtenha completo entendimento das informações contidas nele, além de ter total habilidade de interação.

Nesse ambiente, buscou-se contemplar as recomendações do WCAG (World Content Accessibility Guide) do W3C e no caso do Governo Brasileiro ao e-MAG (Modelo de Acessibilidade em Governo Eletrônico). O e-MAG está alinhado as recomendações internacionais, mas estabelece padrões de comportamento acessível para sites governamentais.

Na parte superior do site existe uma barra de menus onde se encontra atalhos de navegação padronizados, nos subitens de Acessibilidade há opções para alterar o contraste das cores e o tamanho dos objetos, essas ferramentas estão disponíveis em todas as páginas do site.