Educação Notícias

Em clima de festa, mais de 300 alunos possenses se formam no Proerd

Em clima de festa, mais de 300 alunos possenses se formam no Proerd

Na terça-feira, dia 27 de novembro, 320 estudantes dos 5º anos do ensino público e particular de Santo Antônio de Posse participaram da formatura do Programa Educacional de Resistência às Drogas (Proerd), aplicado pela Polícia Militar. A cerimônia aconteceu no Ginásio do CIEF, que foi recentemente reformado, e cerca de 1.200 pessoas estiveram presentes, prestigiando os alunos possenses.

Em 2018, as escolas participantes foram as municipais EMEF Mario Bianchi, EMEF Profª Isaura de Carvalho Coelho, EMEF Profª Conceição Godoi Menuzzo, CIEF Profª Elisabete Lala Villalva, EMEF Letícia Paganotti Torezan, EMEF Maria Vicençotti, EMEF Profª Mary Rosa Baracat Chaib. Do ensino particular, contamos com a participação o Colégio Integrado.

O Proerd é viabilizado pela Polícia Militar em todo o país. Em nosso munícipio, o 26° Batalhão da Polícia Militar do Interior (BPMI) foi o responsável pela aplicação do conteúdo aos nossos alunos, através da Instrutora do Programa, Policial Andi.

Na cerimônia, foram premiados os alunos destaques de cada sala e também a melhor redação, que premiou com uma bicicleta a estudante Ana Clara Ferraz, DO 5º B da EMEF Profª Conceição Godoi Menuzzo.

Estiveram presentes na formatura o Prefeito Municipal, a Primeira-Dama, a Vice-Prefeita municipal, o Secretário de Educação, o representante do Conselho Tutelar Haroldo Nascimento, o Capitão da Polícia Militar Marcos Sanches,o 1º Sgt. Rogério Antonio de Lima – Comandante do GP/PM de Santo Antônio de Posse, o presidente da Câmara Municipal Hiroshi Onoda e o representante do Sicredi, empresa apoiadora do projeto no município, Sandro Hebert Santos. Além destes, também prestigiaram o evento diretores da Prefeitura Municipal e vereadores do município.

Deixe um comentário

Acessibilidade

Novo modelo de identidade digital padrão do site pmsaposse.sp.gov.br atende às principais recomendações de acessibilidade indicadas para web.

Garantir a acessibilidade na Web é permitir que qualquer indivíduo, utilizando qualquer tecnologia de navegação, visite qualquer ambiente web e obtenha completo entendimento das informações contidas nele, além de ter total habilidade de interação.

Nesse ambiente, buscou-se contemplar as recomendações do WCAG (World Content Accessibility Guide) do W3C e no caso do Governo Brasileiro ao e-MAG (Modelo de Acessibilidade em Governo Eletrônico). O e-MAG está alinhado as recomendações internacionais, mas estabelece padrões de comportamento acessível para sites governamentais.

Na parte superior do site existe uma barra de menus onde se encontra atalhos de navegação padronizados, nos subitens de Acessibilidade há opções para alterar o contraste das cores e o tamanho dos objetos, essas ferramentas estão disponíveis em todas as páginas do site.