Finalizada primeira etapa das obras do Pronto Socorro Avançado

Administração deixará um valor vinculado a obra que deverá ser usado para conclusão da unidade de saúde

Finalizada primeira etapa das obras do Pronto Socorro Avançado

A Prefeitura Municipal de Santo Antônio de Posse, através da Diretoria de Obras e Engenharia, concluiu na quarta-feira, dia 12 de agosto, a obra de execução da estrutura em pré-moldados do Pronto Socorro Avançado, localizado na região central do município.

Com área total de 2 mil m², divididos igualmente em dois pisos, o espaço será utilizado para ampliação e melhoria do atendimento à população. Para a construção da primeira fase de pré-moldados, foram investidos R$ 1.475.830,38, provindos exclusivamente de recursos próprios.

No projeto a ser executado, o piso térreo funcionará como Pronto Socorro Avançado e contará com recepção, consultórios, salas para realização de exames e procedimentos, urgência e emergência, entre outros. O piso superior será reservado para futuras ampliações, conforme a demanda do município.

CONTINUIDADE

A fim de garantir que a obra não seja interrompida com a troca da gestão, a administração deixará reservado o valor de R$2.673.715,00 e publicará nesta sexta-feira, dia 14 de agosto, o edital da concorrência pública para a contratação da empresa responsável pela conclusão das obras do piso térreo para o pleno funcionamento do Pronto Socorro Avançado.

Frisamos que a realização do processo licitatório em questão não reflete nas proibições do período eleitoral, uma vez que, a verba proveniente já foi objeto de repasse à Prefeitura, estando disponível na conta bancária do município, conforme disposto no artigo 73, inciso VI, alínea “a” da Lei n. 9.504/97.

Deixe um comentário

Acessibilidade

Novo modelo de identidade digital padrão do site pmsaposse.sp.gov.br atende às principais recomendações de acessibilidade indicadas para web.

Garantir a acessibilidade na Web é permitir que qualquer indivíduo, utilizando qualquer tecnologia de navegação, visite qualquer ambiente web e obtenha completo entendimento das informações contidas nele, além de ter total habilidade de interação.

Nesse ambiente, buscou-se contemplar as recomendações do WCAG (World Content Accessibility Guide) do W3C e no caso do Governo Brasileiro ao e-MAG (Modelo de Acessibilidade em Governo Eletrônico). O e-MAG está alinhado as recomendações internacionais, mas estabelece padrões de comportamento acessível para sites governamentais.

Na parte superior do site existe uma barra de menus onde se encontra atalhos de navegação padronizados, nos subitens de Acessibilidade há opções para alterar o contraste das cores e o tamanho dos objetos, essas ferramentas estão disponíveis em todas as páginas do site.