Educação Notícias

Professores participam de formação para início do ano letivo 2019

Professores participam de formação para início do ano letivo 2019

As aulas na rede municipal de ensino têm início nesta segunda-feira, dia 28 de janeiro

A Secretaria Municipal de Educação realizou na quarta e quinta-feira, dias 23 e 24 de janeiro, um encontro de formação com os professores da rede municipal para marcar o início do ano letivo de 2019. O conteúdo trabalhado foi direcionado para aérea de atuação do educador, sendo assim, dividiu-se os profissionais da educação nos seguintes moldes: cuidadoras e professoras das creches, professores da Educação Infantil e professores do Ensino Fundamental 1 e 2.

Às cuidadoras e professoras das creches, a docente Regiane Degasperi trouxe para discussão os temas “A vida como ela é” e “Era uma vez um jardim para crianças pequenas” e conversou sobre ambientes de diversidade e respeito, direitos de aprendizagem, desempenho de papel em diferentes ambientes e reflexões e práticas pedagógicas para crianças menores de 36 meses.

Já para os professores da Educação Infantil, trabalhou-se os temas “Corporeidade e infância no dia a dia da Educação Infantil” e “Arte na Educação Infantil”. A partir disso, discutiu-se sobre as vivências na Educação Infantil, através de situações cotidianas e da relação aluno e professor. Além disso, falou-se sobre as diferentes propostas artísticas que ocorrem neste período de aprendizado. Quem ministrou a formação, foi a docente Dayane Monteiro.

Para finalizar, os professores do Ensino Fundamental 1 e 2 puderam discutir sobre Educação Inclusiva a partir do olhar do profissional e seu papel no ambiente escolar, sob o tema “Educação Inclusiva: o que é e como fazer no Ensino Fundamental 1 e 2?”, ministrado pela docente Beatriz Brunaldi Perez.

Deixe um comentário

Acessibilidade

Novo modelo de identidade digital padrão do site pmsaposse.sp.gov.br atende às principais recomendações de acessibilidade indicadas para web.

Garantir a acessibilidade na Web é permitir que qualquer indivíduo, utilizando qualquer tecnologia de navegação, visite qualquer ambiente web e obtenha completo entendimento das informações contidas nele, além de ter total habilidade de interação.

Nesse ambiente, buscou-se contemplar as recomendações do WCAG (World Content Accessibility Guide) do W3C e no caso do Governo Brasileiro ao e-MAG (Modelo de Acessibilidade em Governo Eletrônico). O e-MAG está alinhado as recomendações internacionais, mas estabelece padrões de comportamento acessível para sites governamentais.

Na parte superior do site existe uma barra de menus onde se encontra atalhos de navegação padronizados, nos subitens de Acessibilidade há opções para alterar o contraste das cores e o tamanho dos objetos, essas ferramentas estão disponíveis em todas as páginas do site.