Prefeitura promove evento contra a Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes

Prefeitura promove evento contra a Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes

A Prefeitura Municipal de Santo Antônio de Posse, através da Diretoria de Desenvolvimento Social e Cidadania, realiza no sábado, dia 19 de maio, na Praça Coronel David Batista (Matriz), o evento “Faça Bonito”.

O evento marca o Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, comemorado no dia 18 de maio, segundo Lei Federal 9.970/00.

Com início marcado para às 9 horas, a ação terá apresentações culturais, área de brinquedos para as crianças presentes, pipoca e algodão doce. Os alunos do Projeto Guri farão a abertura do “Faça Bonito” e um vídeo de conscientização sobre o tema também será exibido.

O evento busca mobilizar a população possense e conscientizá-la sobre o problema da violência praticada contra crianças e adolescentes. O assunto também é trabalhado constantemente no município pelos profissionais da área, como conta a diretora de Desenvolvimento Social Mayra Nini.

“Neste mês as crianças e adolescentes dos grupos de fortalecimento de vínculo do CRAS estão trabalhando o tema e se preparando para serem multiplicadores nas escolas e comunidade em que estão inseridos. O CRAS também fará um trabalho de conscientização no Projeto Guri e em algumas igrejas que solicitaram uma palestra sobre o tema”, explica a diretora.

EDUCAÇÃO

Na área de Educação, o Centro de Referência da Assistência Social, CRAS, começará um Projeto Piloto de conscientização e prevenção ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes na Escola Conceição Godoy Menuzzo. O projeto inclui a visita quinzenal da equipe de técnicos, formada por um assistente social e um psicólogo, para a realização de atividades sobre o tema, esclarecimento de dúvidas, palestras sobre o assunto e um trabalho com as famílias das crianças, para que os mesmos saibam identificar os sinais e os perigos apresentados pelas vítimas.

Segundo a diretora de Desenvolvimento Social, a intenção é que o projeto seja levado a outras escolas. “Gradativamente, queremos levar o projeto para todas as escolas, visto que hoje no município temos casos de criança menores de 3 anos que foram vítimas de violência sexual. Nosso principal objetivo é o de que a sociedade se una para combater a violência sexual de crianças e adolescentes”, finaliza.

Após identificada a suspeita de violência sexual o Centro de Referência Especializado de Assistência Social, CREAS, começa o trabalho especializado com a família para que possam superar esta violação. O CREAS trabalha com a família após ter ocorrido a violência sexual, contribuindo para romper com padrões violadores de direitos no interior da família; para a reparação de danos e da incidência de violação de direitos e prevenir a reincidência de violações.

Deixe um comentário

Acessibilidade

Novo modelo de identidade digital padrão do site pmsaposse.sp.gov.br atende às principais recomendações de acessibilidade indicadas para web.

Garantir a acessibilidade na Web é permitir que qualquer indivíduo, utilizando qualquer tecnologia de navegação, visite qualquer ambiente web e obtenha completo entendimento das informações contidas nele, além de ter total habilidade de interação.

Nesse ambiente, buscou-se contemplar as recomendações do WCAG (World Content Accessibility Guide) do W3C e no caso do Governo Brasileiro ao e-MAG (Modelo de Acessibilidade em Governo Eletrônico). O e-MAG está alinhado as recomendações internacionais, mas estabelece padrões de comportamento acessível para sites governamentais.

Na parte superior do site existe uma barra de menus onde se encontra atalhos de navegação padronizados, nos subitens de Acessibilidade há opções para alterar o contraste das cores e o tamanho dos objetos, essas ferramentas estão disponíveis em todas as páginas do site.