Saúde Notícias

Município aguarda repasse de novo lote de vacina contra Influenza

A previsão é a de que no início da próxima semana, a vacinação seja retomada

Município aguarda repasse de novo lote de vacina contra Influenza

A Prefeitura Municipal de Santo Antônio de Posse, através da Secretaria de Saúde, suspendeu mais uma vez a campanha de vacinação contra a Influenza no município. O motivo foi a alta procura pela vacina, o que esgotou as doses enviadas pelo Governo do Estado.

Na segunda-feira, dia 23 de março, e primeiro dia de campanha as doses recebidas chegaram ao fim ainda na parte da manhã. A Vigilância Epidemiológica notificou o órgão responsável e após receber o novo lote de vacina, retomou a imunização na quinta-feira, dia 26. Novamente, as doses se esgotaram no mesmo dia.

Com a falta da vacina contra a gripe, o município retomará a campanha no início da próxima semana quando novas doses serão recebidas. No município, cerca de 1.600 pessoas do grupo prioritário da campanha já foram imunizadas.

PRECAUÇÃO

A Secretaria de Saúde está seguindo as orientações de prevenção e precaução ao coronavírus e, por isso, tem realizado a vacinação em áreas externas. Os limites de distanciamento entre aqueles que esperam para serem vacinados também estão sendo respeitados. Os idosos que chegam de carro, recebem a vacina dentro do próprio veículo.

Todas as medidas tem como objetivo preservar a saúde daqueles que se enquadram como grupo de risco na pandemia.

CAMPANHA

A campanha de vacinação contra a Influenza foi antecipada em todo território nacional em 2020. O Ministério da Saúde optou pelo adiantamento após a confirmação do primeiro caso do novo coronavírus no Brasil.

Embora a vacina não imunize contra o covid-19, o intuito é facilitar o diagnóstico, uma vez que a vacina reduzirá o número de pessoas com sintomas de gripe.

O “Dia D” da campanha deste ano, em todo Brasil, está previsto para 9 de maio, um sábado.

Deixe um comentário

Acessibilidade

Novo modelo de identidade digital padrão do site pmsaposse.sp.gov.br atende às principais recomendações de acessibilidade indicadas para web.

Garantir a acessibilidade na Web é permitir que qualquer indivíduo, utilizando qualquer tecnologia de navegação, visite qualquer ambiente web e obtenha completo entendimento das informações contidas nele, além de ter total habilidade de interação.

Nesse ambiente, buscou-se contemplar as recomendações do WCAG (World Content Accessibility Guide) do W3C e no caso do Governo Brasileiro ao e-MAG (Modelo de Acessibilidade em Governo Eletrônico). O e-MAG está alinhado as recomendações internacionais, mas estabelece padrões de comportamento acessível para sites governamentais.

Na parte superior do site existe uma barra de menus onde se encontra atalhos de navegação padronizados, nos subitens de Acessibilidade há opções para alterar o contraste das cores e o tamanho dos objetos, essas ferramentas estão disponíveis em todas as páginas do site.