Notícias

IBGE e Prefeitura acertam parceria para o Censo Demográfico 2020

IBGE e Prefeitura acertam parceria para o Censo Demográfico 2020

Começaram os preparativos para o Censo 2020. O Censo Demográfico 2020 será a maior operação de contagem da população já organizada no Brasil.

A equipe de técnicos da Agência regional do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), em Mogi Mirim, concluiu o ciclo de reuniões com prefeitos, secretários municipais e servidores para dar andamento na atualização dos mapas e outros insumos geográficos. Em Santo Antonio de Posse, o chefe da Agência do IBGE, Danilo Bossarino foi recebido pelo secretário de Administração, João Batista Longhi.

Essa fase de preparação de mapas e verificação de possíveis atualizações de legislações municipais é fundamental para o sucesso do Censo. Afinal, as Prefeituras possuem informações confiáveis dos descritores de divisas, mapas e cadastros – que refletem melhor a realidade local, evitando omissões e duplicidades na cobertura da área do município, agilizando a coleta e reduzindo os custos da operação censitária.

No começo de 2020, além desse trabalho de atualização, haverá a realização de Processos Seletivos para a contratação de recenseadores e supervisores censitários que atuarão nas cidades de Mogi Mirim, Santo Antônio de Posse, Itapira, Mogi Guaçu, Estiva Gerbi e Conchal. Municípios sob a supervisão da agência regional do IBGE, instalada em Mogi Mirim.

ENTENDA

Como as informações do Censo Demográfico podem ajudar a cada brasileiro?

A partir do momento em que cada família responde o questionário, ela não só retrata sua realidade, mas, junto com outros brasileiros, ajuda a formar um perfil de quantos somos, como vivemos e o que queremos melhorar no país.

A sociedade é beneficiada com os resultados da pesquisa porque ajuda:

  1. na seleção de locais para a instalação de fábricas, supermercados, shopping centers, escolas, creches, cinemas, restaurantes, lojas;
  2. na análise do perfil da mão-de-obra brasileira, instrumento fundamental para sindicatos, associações profissionais e entidades de classe;
  3. na análise acadêmica do perfil sociodemográfico e econômico da população e sua evolução entre 2010 e 2020; e
  4. na reivindicação dos cidadãos por maior atenção do governo municipal ou estadual para problemas específicos: expansão da rede de água e esgoto, expansão da rede telefônica, acesso à internet etc.

Os dados serão utilizados em programas e projetos que vão contribuir para:

  1. acompanhar o crescimento, a distribuição geográfica e a evolução das características da população ao longo do tempo;
  2. identificar áreas de investimentos prioritários em saúde, educação, habitação, transportes, energia, programas de assistência a crianças, jovens e idosos;
  3. selecionar locais que necessitam de programas de estímulo ao crescimento econômico e desenvolvimento social;
  4. fornecer referências para as projeções populacionais com base nas quais é definida a representação política no País, indicando o número de deputados federais, deputados estaduais e vereadores de cada estado e município; e
  5. fornecer subsídios ao Tribunal de Contas da União para o estabelecimento das cotas do Fundo de Participação dos Estados e do Fundo de Participação dos Municípios. (Com informações do portal: www.censo2020.ibge.gov.br)

Deixe um comentário

Acessibilidade

Novo modelo de identidade digital padrão do site pmsaposse.sp.gov.br atende às principais recomendações de acessibilidade indicadas para web.

Garantir a acessibilidade na Web é permitir que qualquer indivíduo, utilizando qualquer tecnologia de navegação, visite qualquer ambiente web e obtenha completo entendimento das informações contidas nele, além de ter total habilidade de interação.

Nesse ambiente, buscou-se contemplar as recomendações do WCAG (World Content Accessibility Guide) do W3C e no caso do Governo Brasileiro ao e-MAG (Modelo de Acessibilidade em Governo Eletrônico). O e-MAG está alinhado as recomendações internacionais, mas estabelece padrões de comportamento acessível para sites governamentais.

Na parte superior do site existe uma barra de menus onde se encontra atalhos de navegação padronizados, nos subitens de Acessibilidade há opções para alterar o contraste das cores e o tamanho dos objetos, essas ferramentas estão disponíveis em todas as páginas do site.